A Rastreabilidade e o Sistema SCOLA

Por exigência da RDC 302/2005, o laboratório precisa manter o histórico de suas atividades. A segurança é a palavra chave para descrever a rastreabilidade em um laboratório, e é embasado nisso que o Sistema SCOLA foi estruturado. Todas as alterações de cadastro de paciente que envolvam um pedido e até mesmo manutenções num cadastro de exame serão registradas.

O mais importante de tudo é que além de registrar, o Sistema SCOLA não sobrepõe informações quando há alguma atualização na rastreabilidade. Ou seja, você pode alterar informações sem medo de que elas sejam perdidas ou substituídas por outras mais recentes. Por exemplo, se você trocar o resultado de uma glicose de 80 para 70, ele irá manter as duas informações na rastreabilidade, ao invés de desaparecer com o resultado anteriormente digitado.

Embora seja necessário manter essas informações acessíveis e em segurança por, no mínimo, cinco anos, o Sistema SCOLA as mantém por tempo indeterminado: se o laboratório utilizar o Sistema SCOLA por 10 anos, 10 anos depois essas informações de rastreabilidade ainda estarão disponíveis, bastando apenas o banco estar estruturado para isso.

Outras funções importantes da Rastreabilidade do Software SCOLA de Controle Laboratorial:

- Rastreabilidade Pré-analítica, Analítica e Pós-Analítica;

- Alterações de dados do pedido (cadastramento de informações, inserção e alteração de resultados) e dados cadastrais (valores de referência, inserção e modificação de exame) são registradas no Sistema;

- O registro do horário do recebimento e/ou colheita da amostra (por coletador) podem ser feitos separadamente;

- A utilização de Login e Senha permite que a rastreabilidade seja possível. Cada usuário terá um login e uma senha, criptografados, que podem ser programados para fazer logout depois de um determinado tempo de inatividade no sistema. Também há a possibilidade de que as senhas sejam programadas para expirar e serem substituídas de tempos em tempos. Resumindo: Graças a essa autenticação, é possível registrar na rastreabilidade o horário da alterações e o usuário responsável por ela, pois cada funcionário terá sua identidade no Sistema.

- A Rastreabilidade pode ser acessada a qualquer momento e seu acesso se encontra estrategicamente em mais de uma área do Sistema;

- A Rastreabilidade do Sistema SCOLA mostra também informações como: a data e hora da impressão de um laudo e, se este se encontra disponível na internet, o horário em que o paciente acessou o laudo no site;

- O Sistema dispõe de controle de novas colheitas rastreável, e registra tentativa de contato e contato realmente efetuado pelas atendentes;

Para mais informações:

Entenda como o Sistema SCOLA pode auxiliá-lo com a RDC 302/2005

Veja como é a tela de rastreabilidade:

 

 photo ScreenShot028mini.jpg 

 

 photo ScreenShot029mini-1.jpg

 

 Solicite uma demonstração e um orçamento!

 

Comentários (0)

500 caracteres restantes

Cancel or